Benvindo, Bienvenido, Welcome, Bienvenue, Wilkomen, 歓迎, приветствовать, الترحيب, 歡迎, Benvenuto, Καλώς ήρθες

segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

Melhorias nos aeroporos do Pará e Amapá!

Ufa, esperamos que não demore, pois acessibilidade é um dos pilares do produto turístico:
 
"Nove municípios da ilha do Marajó, no Pará, vão ganhar aeródromos, área destinada a pouso e decolagem de aeronaves, nos próximos anos. A medida foi divulgada na manhã desta sexta-feira (23), pelo governador do Pará, Simão Jatene, em reunião em Belém com os prefeitos eleitos do Marajó.

O acesso aos municípios do arquipélago, realizado principalmente de barco, com saída de Belém, dura mais de 12 horas, dependendo da cidade. "Queremos acabar com aquela história de não ser mais possível chegar a um município da ilha do Marajó devido à dificuldade de locomoção", disse o governador, que apontou a ação como um dos investimentos prioritários na região. Os aeródromos serão construídos nos municípios de Afuá, Cachoeira do Arari, Chaves, Curralinho, Muaná, Ponta de Pedras, Portel, Santa Cruz do Arari e São Sebastião da Boa Vista. O governador também anunciou a construção de plataformas e terminais hidroviários, nas cidades de Breves, Curralinho, Ponta de Pedras, Salvaterra, Bagre e São Sebastião da Boa Vista. O encontro faz parte do pacto "Trabalhando juntos pelo desenvolvimento do Pará". Participaram da reunião 15 prefeitos eleitos dos municípios que compõem a Região de Integração do Marajó e mais Gurupá. Na ocasião, Jatene explicou aos prefeitos a importância do pacote de investimentos de quase R$ 2 bilhões, com apoio em operações de crédito, conquistado recentemente. "Vamos investir muitos recursos e eu preciso que vocês fiscalizem. Por isso é importante que possamos debater a melhor forma de fazer". Ele também enfatizou que a questão partidária passou e que a discussão agora é como todos podem unir esforços para atender os anseios da população".

Leia mais em:
http://www.portalmarajo.com/2012/11/cidades-do-arquipelago-do-marajo-terao.html
 
Comentários: Gostei do termo aplicado pelo Governo do Pará a medida... fiscalização! Os prefeitos, além de passar o pires e pedir investimentos, tem que fiscalizar, melhorar suas administrações e tornar seus municípios atraentes para investimentos. Pensando neste sentido, olho para Salinas (Salinópolis) no Nordeste paraense, uma das cidades de maior potencial turístico do Pará ainda carece de um olhar mais atento de seus prefeitos, já teve até aeroporto com linha regular. Bem, caso tenham algum dúvida, olhem para municípios litoraneos do Ceará, até oficina de manutenção de aeronaves já conseguiram para seus novos aerodrómos. Espero um dia poder levar turísticas de avião até Salinas e oferecer um magnífico sobrevoo sobre as ilhas do Atalaia e Itaranajá.
 
Enquanto isso, no Amapá (Fonte: Infraero):
 
A Infraero começou este mês as obras de revitalização das pistas de taxiamento A e B e do pátio de aeronaves do Aeroporto Internacional de Macapá/Alberto Alcolumbre. Os trabalhos receberão investimentos de R$ 2 milhões, e o prazo total de execução das intervenções será de 150 dias.

As melhorias envolvem a pavimentação asfáltica de trechos das duas pistas de taxiamento e a restauração do pavimento asfáltico do pátio de aeronaves.
 
Comentários: Atenção políticos amapaenses, já saiu a obra do puchadinho para ampliação das salas de embarque e agora para a reforma das pistas. Quando vai sair o dinheiro da conclusão do terminal, já se vão 10 anos e nada. Lembrando aos caros leitores que existe um terminal aguardando verbas para a conclusão e, sem verbas, os amapaenses e seus visitantes continuam sofrendo num terminal antigo e ultrapassado.
Esqueleto do novo terminal! Cade a verba!?

Projeto do Novo Aeroporto Internacional de Macapá - é isso que os amapaenses e os visitantes da Amazônia merecem: modernidade, conforto e segurança! 
 
Postar um comentário