Benvindo, Bienvenido, Welcome, Bienvenue, Wilkomen, 歓迎, приветствовать, الترحيب, 歡迎, Benvenuto, Καλώς ήρθες

quinta-feira, 29 de setembro de 2016

Salinas, entre o diferencial e os velhos problemas!

Salinópolis, munícipio localizado na costa Nordeste do Pará, numa região turística chamada Amazônia Atlântica, vem recebendo muitos investimentos imobiliários nos últimos anos. Segundo perspectivas dos técnicos da Secretaria de Turismo do Pará, nos próximos anos a cidade deverá se tornar um dos principais polos turísticos do Pará, tanto para o turismo regional quanto nacional, principalmente para estados próximos, como Maranhão e Tocantins, por causa do f´cil acesso rodoviário via BR 316 (Pará - Maranhão - Nordeste) e BR 010 (Belém - Brasília). Neste sentido, vários projetos estruturantes tem sido considerados para a região, como a construção da orla da praia do Atalaia e a reconstrução do aeroporto regional; além de melhorias pontuais como a organização do transito na praia e nos arredores. Contudo alguns problemas persistem e parecem de difícil solução, como as barracas de praia de madeira ao longo da areia. Em 2016, alguns incidentes foram registrados, além do desmoronamento de uma. Esperamos que tanto o Governo do Estado, um dos principais responsáveis pelos investimentos turísticos no município e a prefeitura de Salinópolis estejam atentos as melhorias necessárias para que a qualidade da experiência turística no município continue satisfatória.

A praia do Atalaia: em período de alta temporada, o Detran-PA - Departamento de Trânsito do Estado do Pará organiza todo o trânsito na faixa de areia, diminuindo os acidentes e os conflitos de usuários (banhistas com praticantes de esportes radicais, por exemplo).

Muitos barracas tem sofrido com o avanço da maré, que segundo geógrafos da UFPa - Universidade Federal do Pará é um fenômeno natural, uma vez que esta região é de formação geológica recente, então muito instável, por isso é comum as mudanças constantes na geografia das praias da região.

Detalhe do desmoronamento de uma das barracas de praia na praia do Atalaia, por pouco ninguém se feriu.


Postar um comentário