Benvindo, Bienvenido, Welcome, Bienvenue, Wilkomen, 歓迎, приветствовать, الترحيب, 歡迎, Benvenuto, Καλώς ήρθες

quinta-feira, 29 de agosto de 2013

38 cliques antes de comprar!

38 cliques antes de reservar

 
(28 de agosto de 2013) Muito se falou, quando a internet recém estava saindo, que o concorrente estaria a um clique de distância. Saiu um novo relatório da Expedia Media Solutions com a Compete, que um viajante visita em média 38 sites antes de fazer as reservas de sua viagem. Esse número impressiona, pois no último report era bem menor. Isso mostra também que planejar uma viagem é uma tarefa cada vez mais difícil.
A média de visitas por site vai aumentando conforme a viagem vai chegando, de 2 pra 15 sites na última semana antes da viagem, deixando claro que muitos deixam tudo pra última hora, conforme o gráfico abaixo:
graph1
 
As OTAs dominam o planejamento de viagens, levando 47% de share das visitas, enquanto sites de reviews, como o TripAdvisor, ficam com 6.8%. A surpresa foram os DMOs (sites tipo www.visitflorida.com), que aumentaram seu share em 30% da última pesquisa, feita em 2010. O estudo ainda mostra os caminhos diversos feitos por viajantes, vale a pena dar uma olhada, o relatório completo (inglês) está neste link.
graph2

Tanto volume, tantos players, tantas opções, tantos preços, o que faz mais diferença na hora da decisão do viajante de onde comprar?

Fonte: http://panrotas.com.br/noticia-turismo/tecnologia/internauta-visita-38-sites-antes-de-reservar-viagem_91580.html
 
Comentário: O crescimento da presença digital da oferta turística traz a demanda mais conhecimento, mas dificulta a decisão de compra em alguns aspectos, como no caso dos hotéis. Em algumas cidades, como Paris e Londres, com mais de 400 opções de meios de hospedagem, a escolha de um hotel pode se tornar uma aflição. O fato é uma oportunidade de consolidação dos agentes de viagens, pois, em resumo, o viajante precisará de alguém que conheça o destino, experiente, para facilitar sua decisão de compra. As OTAs (On Line Travel Agences) e sites de reservas de hoteis como Bookin e Trip solucionaram parte deste problemas com as "opniões" de outros viajantes sobre hoteis, atrações, bares e restaurantes, contudo com milhares de opniões diferentes, mas confunde do que ajuda.
Postar um comentário